Reflexões

Chamados para ser santo e para a comunhão com o Filho de Deus

à igreja de Deus que está em Corinto, aos santificados em Cristo Jesus, chamados para ser santos, com todos os que em todo lugar invocam o nome de nosso Senhor Jesus Cristo, Senhor deles e nosso: (I Co 1.2)

Um dos modos de lermos a palavra de Deus para compreendê-la é por meio da leitura temática argumentativa. Isto se faz identificando uma frase temática e, depois dela, buscar outra frase que faz relação com esta mesma frase e assim prosseguir. Se fizermos a leitura por esta técnica vamos observar que muitos dos argumentos intermediários em nada acrescentam para a compreensão desta leitura temática argumentativa. Vamos exemplificar este tipo de leitura nos capítulos iniciais de I Coríntios.

Paulo está escrevendo a uma igreja que fora instruída por ele por aproximadamente um ano e meio como podemos ler:

E ali permaneceu um ano e seis meses, ensinando entre eles a palavra de Deus. (At 18.11)

Neste primeiro capítulo ele está salientando os pontos mais importantes oriundo dos ensinos que ministrara àquela igreja.

I Co 1.2: … aos santificados em Cristo Jesus,

        chamados para ser santo,

com todos os que em todo lugar invocam o nome de nosso Senhor Jesus Cristo …

I Co 1.4: … a propósito da sua graça, que vos foi dada em Cristo   Jesus;

I Co 1.5: … em tudo, fostes enriquecidos nele,

 em toda a palavra e

 em todo o conhecimento; (I Co 1.5)

I Co 1.6: … o testemunho de Cristo tem sido confirmado em vós,

I Co 1.7: de maneira que não vos falte nenhum dom,…

I Co 1.8: o qual também vos confirmará até ao fim, para serdes irrepreensíveis no Dia de nosso Senhor Jesus Cristo.

I Co 1.9: … chamados à comunhão de seu Filho Jesus Cristo, nosso Senhor

A ação direta da parte de Deus se dá:

  • Em ter-nos santificados em Cristo Jesus;
  • Em nos dar da sua graça em Cristo Jesus;
  • Em nos enriquecer em Cristo Jesus em toda palavra e todo conhecimento;
  • Em confirmar o testemunho de Cristo em nós;
  • Em não nos faltar nenhum dom;
  • Em nos confirmar até ao fim para sermos irrepreensíveis no dia de nosso Senhor Jesus Cristo.

O verbo “chamar” indicam dois propósitos distintos dados por Deus a para cada um de nós:

  • Chamados para ser santos;
  • Chamados à comunhão do Filho de Deus.

É importante fazermos a contraposição entre “ser santificado” e “ser chamado para ser santo”. O primeiro termo visa demonstrar que os crentes em Cristo Jesus são primariamente separados por Deus, tornando uma nova criatura, como podemos ler:

aboliu, na sua carne, a lei dos mandamentos na forma de ordenanças, para que dos dois criasse, em si mesmo, um novo homem, fazendo a paz, (Ef 2.15

Já a expressão seguinte aponta para a nossa resposta em amor pelo que Deus fez em nós. O Senhor deu a medida desta resposta nos seguintes termos:

Por isso, te digo: perdoados lhe são os seus muitos pecados, porque ela muito amou; mas aquele a quem pouco se perdoa, pouco ama. (Lc 7.47)

Cada um de nós, em conformidade com a experiência que temos com o Senhor, somos impactado de diferentes maneiras no modo como respondemos ao amor pelo qual fomos alcançados. Contudo todos nós somos convocados a ter uma mesma consciência sobre nossa vocação, da inclinação para o qual deve pender nosso coração. Jesus mesmo nos deu alguns referenciais de como esta santidade para a qual somos chamados se expressa, somos sal da terra e luz do mundo, nosso testemunho deve impactar nossos semelhantes e brilhar aos olhos daqueles que nos assiste, pois o sal não pode ser insípido nem o candeeiro escondido.

Leave a Comment