Depoimentos

Como lidero

O maior problema das pessoas é descrer nelas próprias. Como se percebe isso?

Que referencial podemos ter que estamos descrendo em nós mesmos? Como você percebe o outro? Com potencial? Ou tudo para o outro é difícil?

Sua opinião acerca do outro é que ele é um cabeça dura? Nunca muda? Fala sempre a mesma coisa? Você descrê que o outro pode mudar? Todas estas considerações acerca do outro se aplica a você mesmo.

Ficamos assim: o outro não muda, porque eu tenho de mudar? Como eu não mudo o outro também não muda e, neste impasse, eu vou acabar por descobrir que eu não creio na mudança do outro simplesmente porque eu não acredito que eu próprio possa mudar.

Por ser assim que eu sou, ou seja, por ser este o modo como você pensa de você mesmo no mais íntimo do seu ser, tudo é medido por esta regra.

Ocorre que eu, em particular, mudo e, por isso, creio na mudança do outro. E, por eu mudar e descobrir novos potenciais, eu creio que qualquer pessoa tem potencial em si mesmo que jamais imaginou estar lá, adormecido, portanto, por eu crer na mudança do outro e crer neste potencial adormecido, nada do que ela me diga ou faça me convence do contrario. Eu posso diplomaticamente fazer vista grossa, parecer que estou concordando com ela, contudo apenas espero pacientemente uma oportunidade de despertar seu potencial, portanto de fazer ela mudar por vontade dela própria. É assim que lidero.

Leave a Comment